domingo, 30 de abril de 2017

Primeiro jogo fica no 0 a 0: Galo está a um empate do título, e Cruzeiro precisa vencer no Horto

Por Marco Antônio Astoni

Primeiro jogo fica no 0 a 0: Galo está a um empate do título, e Cruzeiro precisa vencer no Horto


Tudo igual na primeira partida da final do Campeonato Mineiro. Cruzeiro e Atlético-MG ficaram no 0 a 0, na tarde deste domingo, no Mineirão, e a decisão fica para semana que vem. O jogo foi movimento e muito disputado, mas com poucas chances de gol. Ainda assim, os mais de 40 mil presentes gostaram do que viram, porque não faltou disposição para os dois times. Para o Cruzeiro, vale ter ampliado para oito o número de jogos sem perder para o rival. Já para o Atlético-MG, o resultado garante a manutenção da vantagem de jogar por dois empates para ficar com o título.

A segunda partida da final será domingo que vem, às 16h (de Brasília), no Independência. Antes, porém, os dois times tem compromissos por outras competições. Pela Copa do Brasil, o Cruzeiro recebe a Chapecoense, no Mineirão, quarta-feira, às 21h45. O Atlético-MG entra em campo mais cedo pela Libertadores. Às 19h30, enfrenta o Sport Boys, na Bolívia.

O jogo

Os 10 primeiros minutos do jogo foram de muito estudo e respeito. Os times não se arriscavam e trocavam a maioria dos passes no próprio campo de defesa. Depois disso, o Cruzeiro melhorou e passou a propor o jogo, tendo mais posse de bola e presença no campo do adversário. Apesar do amplo domínio, o Cruzeiro não conseguia finalizar e, por isso, teve poucas chances de gol. O Atlético-MG só conseguiu respirar entre os 35 e os 40 minutos, quando chegou perto da área cruzeirense. Depois disso, a superioridade azul voltou, mas nada de gol no primeiro tempo.
A etapa final foi mais emocionante e equilibrada. Ainda que permanecesse com sua proposta de jogar fechado, o Atlético-MG saiu mais para o ataque, o que deu um pouco mais de campo para o Cruzeiro. Os dois treinadores mexeram nos times, tentando dar mais força ofensiva, e a partida seguiu animada até o final. O 0 a 0, entretanto, não saiu do placar, e a decisão fica aberta para o próximo domingo.

Fonte:Globoesporte.com

Curta da Pixar 'Lou' ganha novas imagens

Foram divulgadas novas imagens do próximo curta-metragem do estúdio Pixar "Lou", animação que chega aos cinemas no dia 13 de Julho com o filme "Carros 3".

"Lou" possui direção de Dave Mullins (que trabalhou na produção de O Bom Dinossauro, Valente, Carros 2, Ratatouille e Procurando Nemo), com produção executiva de Dana Murray (Divertida Mente).



Fonte:Info Animation

De virada e com gol contra, Cuiabá vence Sinop e sai na frente na final

No finalzinho, com gol contra e em jogo nervoso que foi até os 54 do segundo tempo, o Cuiabá virou o placar sobre o Sinop e saiu na frente na final do Campeonato Mato-Grossense. O placar de 2 a 1 garante a vantagem ao Dourado que joga pelo empate para conquistar o título. A partida foi disputada neste domingo, na Arena Pantanal, válida pela ida da decisão. O Sinop abriu o placar com Cabralzinho, o Dourado empatou com Douglas Mendes e virou o placar em gol contra de Marinho. 
Os times voltam a se enfrentar no dia 07 de maio, no estádio Gigante do Norte, em Sinop, às 15h, que deve receber lotação máxima para o confronto que define o campeão. O Cuiabá joga pelo empate. Ao Sinop resta a vitória por dois ou mais gols de diferença para levantar o caneco. Triunfo por um gol e a partida vai para os pênaltis. 
A partida
Cuiabá x Sinop, final (Foto: Julio Tabile/Sinop FC)Cuiabá x Sinop, final (Foto: Julio Tabile/Sinop FC)
O primeiro tempo foi de muita disputa no meio campo e poucas chances claras de gol. A melhor delas veio justamente no último lance, em que Naldo salvou. O Dourado foi mais efetivo e teve mais posse de bola, mas o Sinop se defendeu bem e segurou bem o placar. O Galo do Norte teve a melhor chance em cobrança de falta de Sandro, que parou na defesa do goleiro Henal. 
A segunda etapa foi mais movimentada e com gols. O Sinop abriu o placar aos 5 minutos após bela jogada do trio de ataque formado por Jorge Preá (que tinha acabado de entrar), Andrezinho e Cabralzinho. Após troca de passes, Preá acionou Cabralzinho que dominou e bateu com categoria no canto de Henal. No lance, Andrezinho acabou tendo uma luxação no ombro. O Cuiabá empatou na sequência com Douglas Mendes, aos 18, que aproveitou cobrança de escanteio. Depois do empate, o Dourado seguiu criando mais chances e parou na boa atuação do goleiro Naldo, que acabou levando o terceiro cartão amarelo e vai desfalcar o Galo na decisão. 
Por conta das substituições, parada médica e atendimento de Andrezinho, o segundo tempo foi até os 54 minutos. Mas o gol da vitória do Dourado veio antes, aos 47.  Gabriel Ramos cobrou falta, Heverton cabeceou e o zagueiro Marinho acabou marcando contra para o Cuiabá. Infelicidade do zagueiro do Sinop. 
Os times
Cuiabá - Henal, Walber, Douglas Mendes, Heverton e Hinestroza; Jean, Carlão e Dakson (Gabriel Ramos); Juba, Robinho (Bruno Veiga) e Cleberson Tiarinha (Betinho). Técnico Roberto Fonseca
Sinop - Naldo, Portela (Maranhão), Tayron, Marinho e Maycon; Dourado, Wadson, Alex e Sandro (Jorge Preá); Cabralzinho e Andrezinho (Vinicius). Técnico - Marcos Birigui
Cuiabá x Sinop, final (Foto: Julio Tabile/Sinop FC)Cuiabá x Sinop, final (Foto: Julio Tabile/Sinop FC)


Fonte:Globoesporte.com

Animações da DC Comics em maio na Warner Channel

Todos os meses o canal Warner Channel apresenta em sua programação animações dos heróis da DC Comics, e em maio não será diferente.

Ao longo do mês serão exibidos vários títulos, como "Superman: Sem Limites", "Batman: O Cavaleiro de Gotham" e "Grandes Astros: Superman".

No dia 26 vai ao ar um especial do Lanterna Verde, com a exibição de seus dois filmes animados. Confira os dias e horários:

Superman: Sem Limites (Superman: Unbound, 2013)
Domingo, dia 7, às 20h40 
Terça-feira, dia 9, às 17h20
Quarta-feira, dia 10, às 11h40
Domingo, dia 14, às 11h45

Batman: O Cavaleiro de Gotham (Batman: Gotham Knight, 2008)
Segunda-feira, dia 22, às 11h35

Grandes Astros: Superman (All-Star Superman, 2011)
Sexta-feira, dia 26, às 19h
Sábado, dia 27, às 16h20

Especial Lanterna Verde - Sexta-feira, dia 26
21h40 - Lanterna Verde: Primeiro Voo (Green Lantern: First Flight, 2009)
23h00 - Lanterna Verde: Cavaleiros Esmeralda (Green Lantern: Emerald Knights, 2011


Fonte:Info Animation

Goiás abre larga vantagem contra o Vila e se aproxima de mais um título goiano



Nada de equilíbrio – pelo menos no placar – na primeira final do Campeonato Goiano entre Vila Nova e Goiás, disputada neste domingo, no Serra Dourada. Maior campeão estadual com 26 títulos contra 15 do rival, o Goiás mostrou eficiência e venceu por 3 a 0, com gols de Alemão (contra), Tiago Luís e Carlos Eduardo. Com o resultado, o time esmeraldino poderá perder até por dois gols de diferença no próximo domingo que ficará com a taça. O Vila, que perdeu muitos gols, terá de vencer por quatro gols de diferença ou devolver o placar e ainda vencer nos pênaltis.

Os dois treinadores tiveram de lidar com desfalques importantes. No Goiás, Fábio Sanches e Pedro Bambu já vinham fora. No Vila, além de Geovane, suspenso, o técnico Mazola Júnior ainda perdeu Fagner e Wesley Matos, vetados de última hora. A diferença é que os substitutos do Goiás deram conta do recado. Ao lado de Everton Sena, Alex Alves teve atuação segura. O zagueiro ganhou praticamente todas pelo alto ou por baixo. Na etapa inicial, Léo Gamalho, para o Verdão, Everton e Wallyson, para o Vila Nova, se aproximaram do gol. Mas foi o Esmeraldino que abriu o placar. Nos acréscimos, o contestado Carlos Eduardo cruzou rasteiro e Alemão marcou contra: 1 a 0 Goiás.
O primeiro minuto do segundo tempo mostrou o que seria o resto do jogo. Dentro da pequena área, Wallyson furou e perdeu gol incrível para o Vila Nova. O time colorado seguia com mais presença de ataque, mas o Goiás era mais letal. Aos 22 minutos, Carlos Eduardo ganhou a bola de Everton e tocou para Tiago Luís. O meia se livrou fácil dos zagueiros e chutou no canto direito de Elisson: 2 a 0. Em desvantagem, o técnico Mazola Júnior fez o que pôde. Vandinho parou em Marcelo Rangel, goleiro que teve ótima atuação novamente. No fim do jogo, o Verdão deu números finais de forma impiedosa. Billy recuou mal para Elisson, que saiu de carrinho e acertou Carlos Eduardo. O atacante entrou na área, deu drible categórico em Jonathan e fechou o placar: Goiás 3 a 0.

Goiás vence o Vila Nova e fica perto do título goiano (Foto: Cristiano Borges / O Popular)
Goiás vence o Vila Nova e fica perto do título goiano (Foto: Cristiano Borges / O Popular)


Fonte:Globoesporte.com

Ranking semanal de audiência dos animes na TV japonesa

Na semana entre os dias 17 e 23 de abril o ranking de animações com maior audiência na TV japonesa não contou com muitas alterações.

Um dos destaques foi o desempenho de "One Piece", que conquistou audiência maior em relação as semanas anteriores, ficando acima dos clássicos "Crayon Shin-chan" e "Detective Conan". 

"Pokémon Sun & Moon" (que estreia no Brasil em junho através do Cartoon Network) manteve sua audiência, e "Yo-kai Watch" retornou ao Top 10. Confira os detalhes:

  1. Sazae-san (Fuji TV, 23/04, 18:30) - 10.4%
  2. Chibi Maruko-chan (Fuji TV, 23/04, 18:00) - 7.5%
  3. Doraemon (TV Asahi, 21/04, 19:00) - 7.2%
  4. One Piece (Fuji TV, 23/04, 9:30) - 7.2%
  5. Crayon Shin-chan (TV Asahi, 21/04, 19:30) - 7.0%
  6. Detective Conan (NTV, 22/04, 18:00)  - 6.7%
  7. Dragon Ball Super (Fuji TV, 23/04, 09:00) - 5.5%
  8. Pokémon Sun & Moon (TV Tokyo, 20/04, 18:55) - 3.8%
  9. Yo-kai Watch (TV Tokyo, 21/04, 18:25) - 3.5%
  10. Shaun o Carneiro (NHK, 22/04, 09:00) - 3.3%
Fonte:info Animation

Inter e Novo Hamburgo empatam em 2 a 2 no Beira-Rio pelas finais do Gauchão



Terminou em igualdade o primeiro jogo da final do Gauchão 2017, no Beira-Rio. O Novo Hamburgo, time de melhor campanha, esteve duas vezes na frente, com gols de João Paulo e Assis. O Inter empatou com Roberson e Nico López. Agora, as duas equipes vão decidir no Vale ou no Centenário, no próximo domingo, quem será o campeão estadual. A vitória serve para qualquer um dos lados. Se o confronto terminar empatado de novo, a decisão será nos pênaltis.

No primeiro tempo, o Novo Hamburgo tratou de mostrar logo que não está na final por acaso. Com um minuto de jogo, após cobrança de escanteio, o zagueiro artilheiro Júlio Santos cabeceou uma bola no pé da trave direita de Keiller. Pouco depois, Juninho mandou um chute perto do ângulo direito. Muito compactado, o Novo Hamburgo mandava no jogo. Reflexos de um time que não tem medo de ser feliz, como costumam ser os times do ex-atacante Beto Campos.
A partir dos 12 minutos, porém, foi o Inter quem começou a se soltar. Com o Novo Hamburgo priorizando a marcação das jogadas pelas laterais do campo, o Colorado precisava achar espaços pelo meio. E foi assim quando Anselmo iniciou uma jogada ainda no gramado defensivo, passou para Carlos e recebeu de volta na entrada da área anilada antes de desferir um chute que buscava o ângulo esquerdo de Matheus.

Resultado no Beira-Rio deixa decisão em aberto (Foto: Ricardo Duarte/Divulgação Inter)
Resultado no Beira-Rio deixa decisão em aberto (Foto: Ricardo Duarte/Divulgação Inter)
Pouco depois de um chute mascado de Uendel, o Noia conseguiu um escanteio pela esquerda. Assis alçou no meio da área, onde João Paulo apareceu livre para cabecear com força, sem chances para o goleiro do Inter. Foi o sexto gol do artilheiro anilado, que não balançava as redes desde o dia 6 de março.

O Inter tentou responder pouco depois, com Nico López, mas desperdiçou. O time de Antônio Carlos Zago, contudo, passou a dominar o jogo. Teve mais posse de bola e chegou com mais perigo. Aos 38, Carlos chegou a ficar cara a cara com Matheus, mas ao dar um toque por cima do goleiro, acabou desarmado antes da conclusão.
Aos 40, Nico recebeu na direita e tentou surpreender o goleiro com um chute cruzado, mas a bola parou na rede, pelo lado de fora. O último suspiro colorado no primeiro tempo veio com D’Alessandro. Primeiro, com um bonito chute da entrada da área, que obrigou Matheus a espalmar pela linha de fundo. Na sequência, em um lance bizarro: o argentino foi cobrar o escanteio e chutou direto para fora.
O Novo Hamburgo parecia cansado no fim da primeira etapa, e o Inter se aproveitou no retorno do intervalo, quando passou a pressionar. Aos sete minutos, depois do árbitro Anderson Daronco não dar o segundo amarelo que resultaria na expulsão de D’Alessandro, após falta clara em Jardel, Edenílson achou Roberson na direita. O meia-atacante soltou a bomba, Júlio Santos tirou de dentro do gol, mas a bola bateu nas costas de Matheus e entrou: 1 a 1.
O jogo estava eletrizante. Aos 11, Nico López entrou na área pela esquerda, mas bateu prensado. D'Alessandro pegou de primeira a sobra e quase acertou o canto esquerdo de Matheus! Aos 12, Uendel dominou na área pela esquerda e chutou forte. Dessa vez, Assis foi quem desviou. Roberson chutou de novo e Matheus mandou para escanteio no reflexo!
Aos 22, o banho de água fria nas pretensões coloradas. Após nova cobrança de escanteio, Pablo cabeceou para cima e Assis, livre, conseguiu cabecear para o fundo das redes. O Novo Hamburgo não tinha medo de ser feliz.
O Inter também não. Aos 37, de canhoto para canhoto: D’Alessandro alçou Nico às costas da zaga. O uruguaio alcançou a bola e, com um toque de primeira, tirou Matheus do lance, com categoria, deixando tudo igual: 2 a 2.
Aos 43 minutos do segundo tempo, drama colorado: Keiller, o terceiro goleiro do Inter, saiu de campo lesionado após trombar com um adversário. Marcelo Lomba, que ainda não tem condições ideais de jogo, foi para o jogo, mas não teve tempo de ser testado.
O empate deixa tudo em aberto. Vitória de qualquer lado dá ao vencedor o título do Gauchão 2017 – ao Inter, o hepta seguido, ao Noia, a primeira taça da história. Empate leva a decisão aos pênaltis. Esperem tudo, menos covardia dessas duas equipes. O jogo está marcado inicialmente para o Vale, às 16h, mas o Anilado ainda tem que ampliar a capacidade do estádio para mais de 10 mil lugares, além de conseguir a liberação dos órgãos de segurança. Caso contrário, a final será no Centenário, em Caxias do Sul.

Fonte:Globoesporte.com

Assista ao trailer de As Aventuras de Tadeo 2

A filial espanhola da Paramount Pictures divulgou o primeiro trailer de "Tadeo Jones 2: El Secreto del Rey Midas", sequência da animação "As Aventuras de Tadeo" (Las aventuras de Tadeo Jones, 2012). No Brasil, o primeiro filme estreou nos cinemas em 2013, e a Paramount já garantiu o lançamento do novo longa.

A animação dirigida por Enrique Gato e David Alonsob é uma homenagem aos filmes de aventura como Indiana Jones.

Com estreia na Espanha programada para 25 de agosto, "Tadeo Jones 2" é uma produção dos estúdios Lightbox Entertainment e El Toro Pictures, em parceria com a Paramount Pictures.

 

Fonte:Info Animation

Com gol de Wallace, Ceará larga à frente do Ferroviário por título estadual

Após 19 anos, Ferroviário e Ceará se encontraram numa final de estadual. Na Arena Castelão, o primeiro jogo do play-off ficou em 1 a 0 para o Alvinegro. Com domínio do jogo, o placar poderia ter sido maior. Wallace Pernambucano, que substituiu o meia Ricardinho, novamente lesionado, marcou ainda na etapa inicial. A vitória por placar simples garante à equipe de Givanildo Oliveira vantagem na disputa pelo título. Assim, precisa apenas de vitória na segunda partida.
Ceará e Ferroviário voltam a campo na próxima quarta-feira (3). O Alvinegro precisa apenas de uma vitória para garantir mais um título estadual. Já o Ferroviário precisa vencer ou empatar para forçar o terceiro jogo. 
Ceará, Wallace Pernambucano (Foto: Kid Júnior/Agência Diário)Wallace Pernambucano marcou o gol da vitória do Ceará sobre o Ferroviário (Foto: Kid Júnior/Agência Diário)

O jogo
O Ceará impôs ritmo de jogo desde o início da partida. Aproveitando a maior posse de bola, soube chegar ao ataque. As principais jogadas vieram pelas laterais. Pela direita, Victor Rangel não chutou mas serviu bem. Foi dele o passe para Lelê, que não chegou em tempo, mas foi o primeiro chute perigoso do Alvinegro. Pela esquerda, Lelê comandou. Foi dele o lançamento que iniciou a jogada do único gol da partida na primeira etapa. Wallace Pernambucano recebeu e mandou para rede, sem chance para o goleiro Mauro. Placar não mudou até o intervalo.

Na volta do intervalo, Assisinho entrou no lugar de Valdeci. Nitidamente, o Ferrão passou a se movimentar melhor, com mais qualidade nos contra-ataques, deixando o jogo mais equilibrado. Apesar das chegadas do Tubarão, a falta de qualidade na conclusão do ataque, além do bom posicionamento da defesa do Ceará, prejudicaram o grupo. O jeito foi apelar para os longos lançamentos. Assisinho e Maxuell tentaram, mas não foram efetivos. O Ceará também criou muitas chances. Vacilo da zaga coral, bom posicionamento, mas o ataque Alvinegro não estava inspirado. Alvinegro administrou o jogo e segurou o resultado em  1 a 0.


Fonte:Globoesporte.com

Discovery Kids estreia nova temporada da animação Doki

Maio começa com novidades no Discovery Kids com a estreia da terceira temporadas de "Doki". Diariamente, de segunda a sexta-feira, entre os dias 1º e 5, dois episódios inéditos vão ao ar em sequência às 11h30 (com reprises no mesmo dia, a partir das 19h30).  A semana de estreias reúne, ao todo, dez episódios inéditos.

A série original do Discovery Kids mostra o personagem símbolo do canal na companhia de seus amigos Fico, Oto, Anabella, Mundi e Gabi - juntos, eles viajam em expedições para descobrir segredos, curiosidades e mistérios da natureza e das diferentes culturas.


Fonte:Info Animation

Fla joga mais, aproveita furada e sai na frente do Flu na final do Carioca 2017



O Flamengo jogou melhor e aproveitou uma furada incrível de Renato Chaves para vencer o Fluminense por 1 a 0, neste domingo, no Maracanã, e sair na frente na disputa pelo título do Campeonato Carioca 2017. Mais eficiente no primeiro tempo, o time de Zé Ricardo aproveitou falha do zagueiro tricolor para anotar o único gol do jogo com Everton.

Com o resultado no duelo que teve 34.926 pagantes, 40.898 presentes e renda de R$ 1.660.605,00, o Flamengo joga pelo empate no jogo de volta, domingo que vem, também no Maracanã, para levantar a taça. Ao Flu, que não repetiu as últimas boas atuações, resta vencer por dois gols de diferença. Uma vitória tricolor por um gol levaria a decisão para os pênaltis.

Everton sai para comemorar o gol (Foto: André Durão)
Everton sai para comemorar o gol (Foto: André Durão)
Panorama
O Flu só volta a campo no domingo, pela finalíssima. O Fla tem compromisso na quarta-feira pela Libertadores, contra a Universidad Católica, no Maracanã.
Primeiro tempo
Os primeiros 45 minutos foram de grande superioridade do Flamengo. Com marcação mais forte e rápida troca de passes, o time de Zé Ricardo criou várias chances. O que seria um problema - Rômulo sentiu o joelho e deu lugar a Mancuello aos 15 -, acabou deixando o time mais criativo, tanto que o próprio Mancu quase abriu o placar logo depois, em chute no canto que Cavalieri foi buscar. O goleiro tricolor, que já havia feito boa intervenção em finalização de Everton, não teve o que fazer quando Renato Chaves furou bisonhamente a bola que caiu nos pés do mesmo Everton - o melhor em campo na primeira etapa -, para fazer 1 a 0.

Com os dois times no 4-3-3, o Flu sofria no meio-campo, muito por conta da atuação abaixo da média de Orejuela, Wendel e Soronoza. Richarlison era o único que conseguia criar, tanto que sofreu duas faltas próximas à área que Sornoza mandou na barreira. Enquanto o Flu errava passes e o Flamengo ia para cima, a arbitragem João Batista de Arruda exagerava na marcação de faltas e distribuía alguns cartões amarelos sem necessidade.

Richarlison foi a melhor opção do Flu na primeira etapa (Foto: Alexandre Paes Leme Durão)
Richarlison foi a melhor opção do Flu na primeira etapa (Foto: Alexandre Paes Leme Durão)
Segundo tempo
O intervalo serviu para que o técnico Abel Braga acordasse o Fluminense. O time voltou outro, apertando o Flamengo e pressionando em busca do empate, que só não saiu aos 14 porque o chute de Richarlison parou no travessão. Mas a tática do Flu de tentar as bolas aéreas não era das melhores, já que o Flamengo levava vantagem quase sempre e passou a conseguir encaixar os contra-ataques. Num deles, aos 18, Guerrero quase ampliou.
O abafa do Flu não durou muito, o Fla equilibrou, e Abel trocou Wellington e Wendel por Marcos Júnior e Douglas. No Fla, Guerrero, mancando, deixou o campo aos 33 para a entrada de Leandro Damião. A cartada final do técnico tricolor foi a entrada de Pedro na vaga de Richarlison, deixando o time com dois centroavantes numa tentativa de mudar o jogo. E o Flamengo perdeu a chance de aumentar a contagem no fim, quando Matheus Sávio recebeu na cara do gol, demorou demais e deu tempo para a zaga chegar para fazer o corte.
Destaques
Everton
O melhor em campo foi premiado com o gol. Velocidade, aplicação tática, boa técnica. Everton foi o motor do time do Flamengo. Na frente, sempre foi arma importante. Mas estava lá para combater e marcar, dificultando a vida de Richarlison no primeiro tempo.
Rafael Vaz
Cercado por desconfiança por erros recentes inclusive em Fla-Flus, o zagueiro teve grande atuação. Bem no alto e por baixo, saiu jogando em muitos lances e arriscou até uma bela caneta em Sornoza.

Fonte:Globoesporte.com

Carlinhos Vidente faz previsões assustadoras no “Programa Raul Gil”

 Fábio Almeida

Carlinhos Vidente faz previsões assustadoras no "Programa Raul Gil"; veja o vídeo
Carlinhos Vidente previu filho de Neymar com Bruna Marquezine e a prisão de Lula
“Programa Raul Gil” exibido neste sábado (29) recebeu Carlinhos Vidente no quadro “Elas Querem Saber”. Além de falar sobre a vidência e sua família evangélica, ele fez diversas previsões para o Brasil, artistas e políticos.
“A política começa a melhorar do mês seis para o mês sete. Terá novas eleições”, afirmou Carlinhos, que também disse que “[Michel] Temer cai”“Do mês seis, deste ano, em diante começa a mudar o Brasil praticamente em tudo”, completou ele sobre o assunto.
Ainda sobre política, o médium contou que o ex-presidente “Lula vai pagar caro e vai ser preso” e que “dois ou três delatores da Lava Jato perderão a vida” nos próximos meses.
Na sabatina, o vidente falou sobre um acidente envolvendo os cantores Leonardo e Eduardo Costa – que fazem turnê com o show “Cabaré”. “Eu via o Leonardo e o Eduardo Costa bastante machucados em um acidente saindo de um show de uma cidade pequena e indo para uma cidade grande”, revelou.
Sobre o futebol brasileiro, Carlinhos garantiu que “o Brasil vai ter um dos melhores times que ele já teve nos últimos cinco anos. Tite vai fazer um time de jovens, mas não ganha Copa do Mundo, quem leva de novo é a Alemanha”. Ele também previu que Neymar terá uma filha com Bruna Marquezine.
Assista ao vídeo:





Fonte:RD1

Neto Baiano faz brilhar sua estrela, e CRB vence o CSA no 1º jogo das finais





Neto Baiano pouco tocou 
Neto Baiano pouco tocou na bola no primeiro jogo da decisão. Homem de referência na área, ficou esperando uma chance. Ela apareceu no finalzinho do primeiro tempo, num chutão de Juliano. A defesa do CSA não prestou atenção, Jeferson saiu no desespero e, com um toque de caratê , o camisa 9 decidiu o clássico deste domingo, no Rei Pelé. O CRB venceu por 1 a 0 o velho rival e abriu vantagem nas finais. Joga pelo empate no próximo domingo, quando o Alagoano terá enfim o seu desfecho.

Neto tem história no clássico. No ano passado, marcou duas vezes contra o CSA e foi decisivo para o bicampeonato do CRB. Agora, o Azulão perdeu o primeiro jogo e precisa vencer por dois gols para tirar a diferença no tempo normal. Tem o mando de campo e vai contar com sua torcida no Trapichão. Se devolver a derrota por um gol de diferença, haverá prorrogação. Se for empate no tempo extra, o título alagoano vai ser definido nos pênaltis.
Neto Baiano, do CRB - CRB x CSA, no Rei Pelé (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)Neto Baiano comemora o gol do Galo (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)

Gol no fim do primeiro tempo
O primeiro tempo teve poucas chances de gol. Foi amarrado. No início, aos seis minutos, Celsinho bateu falta pela direita, Juliano saiu mal e assustou a torcida do CRB. Ninguém aproveitou. Depois, o Galo atacou mais, principalmente pela esquerda, com Chico, mas exagerava nos cruzamentos. 

O CSA guardou posição, e também subiu pouco. Vanger e Cleyton não se acharam em campo para fazer uma tabela. Aos 44 minutos, saiu o gol. Neto Baiano aproveitou bobeira da defesa, se antecipou a Jefferson e deu um toque com a ponta da chuteira para o gol.
Gol do Neto Baiano, do CRB - CRB x CSA, no Rei Pelé (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)Gol do Neto Baiano no finalzinho do primeiro tempo (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)
Mais chances no segundo tempo

Oliveira Canindé mudou o ataque do CSA no segundo tempo. Colocou em campo Jeam e Jacó, mas a produção ofensiva não melhorou muito. Atacante do Azulão, Vanger deu uma entrada violentíssima em Neto, aos seis minutos, e o árbitro Wagner Nascimento Magalhães (Fifa/RJ) aliviou. Era lance para expulsão. Depois, o CSA teve uma ótima chance com Jacó, aos 11 minutos, mas tinha dificuldades para passar pela marcação regatiana. 
O Galo se criava no ataque mais pela direita, com Chico, que foi deslocado depois da entrada de Maxwell. O CSA ainda chegou. De falta, quase empatou num chutaço de Daniel Costa, do meio da rua. Juliano caiu esquisito, mas defendeu. Aos 32 minutos, o CRB levou muito perigo. Maxwell cruzou rasteiro para Elias, na pequena área, mas Douglas entrou de carrinho e salvou o CSA. Se passasse.. Aos 39, Elias achou Chico livre, livre na área do CSA. O meia tinha espaço, mas preferiu bater de primeira e errou o alvo. Passou bem perto.

Fonte:Globoesporte.com

Total de visualizações de página

Arquivo do blog